O Pacto das Catacumbas

A missão dos pobres na Igreja


O Pacto das Catacumbas

O Pacto das Catacumbas

A missão dos pobres na Igreja
  • Encadernação: Capa Mole
  • Edição: 2
  • Ano: 2015
  • Editora: Paulinas
  • ISBN: 978-989-673-491-6
  • Código de barras: 5603658174281
  • Páginas: 248
  • Peso (gr.): 320
  • Formato (cm.): 14 x 21 x 1,8
  • Autor/es:

PREÇO

15,00
Disponível  


Sinopse

Ao cumprirem-se 50 anos da assinatura do Pacto das Catacumbas e do encerramento do Concílio Vaticanos II, neste livro, recolhe-se não apenas o texto do Pacto e o nome dos que o assinaram (pp. 8-13), como ainda alguns estudos significativos de diversos autores.
A poucos dias do encerramento do Concílio, cerca de quatro dezenas de bispos, reunidos na Catacumbas de Santa Domitila, em Roma, assinaram aquilo que ficou conhecido por Pacto das Catacumbas, um texto fundante de um projeto atualizado que expõe «a missão dos pobres na Igreja». O espírito deste Pacto haveria de servir de inspiração para algumas das melhores iniciativas cristãs dos últimos cinquenta anos, não só na América Latina, onde teve uma repercussão especial, mas no conjunto da Igreja católica.


Reportagem de António Marujo | Igreja com os pobres: "Pacto das Catacumbas" 50 anos depois - Agência Ecclesia.
Entrevista conduzida por António Marujo, na sequência do lançamento do livro “O pacto das catacumbas” na Capela do Rato.
Entrevistados: D. Manuel Clemente, Pe. António Leite, Frei Bento Domingues, Pe. Tolentino Mendonça, Ir. Eliete Duarte, Eugénio Fonseca, Sarsfield Cabral, Pe. Valentim Gonçalves, Pe. Peter Stiwell e Américo Oliveira.

Críticas de Imprensa:
«O pacto com o radicalismo evangélico em torno da pobreza que teve e nos deixou é, mais uma vez, um daqueles estímulos que quase ciclicamente é dado à Igreja toda para voltarmos ao princípio que nos define como cristãos”
D. Manuel Clemente, in apresentação na Capela do Rato

«“muito” do que foi assinado nas criptas de Santa Domitila tem “de sair urgentemente das catacumbas” para que se cumpram os desígnios de há 50 anos.
...
Os pobres não estão nas catacumbas porque na situação em que vivem até os cegos são obrigados a ver.»
Eugénio Fonseca, Presidente da Cáritas, in Agência Ecclesia

«A força profética e política dos doze pontos desse pacto, depositado pelos signatários nas mãos do Papa Paulo VI, e a exemplar fidelidade dos seus protagonistas fazem do pacto das catacumbas um dos documentos fundamentais para entender algumas das horas mais luminosas do catolicismo contemporâneo. A oportunidade do seu cinquentenário, coincidente com o pontificado do Papa Francisco, tem provocado um enorme interesse e debate, com a tradução do texto original em várias línguas.»
José Tolentino Mendonça, in Expresso
«Pode ser um excelente instrumento para renovar a Igreja.»
José Antunes da Silva, in Diário de Notícias

«Quem o pacto pela primeira vez não pode deixar de pensar como ele está próximo do Papa Francisco. De certo modo, o Papa é fruto do compromisso daqueles bispos que procuravam viver de forma simples, sem ostentação, próximos do povo e solidários com os pobres.»
José Antunes da Silva, in Diário de Notícias

«Pacto quase desconhecido até hoje… um compromisso assinado nas catacumbas.»
António Marujo, in Jornal de Notícias

«Aqui podemos não só conhecer o conteúdo do Pacto e a sua história, como redescobrir o seu sentido à luz do Evangelho de Jesus, transportá-lo para a vida da Igreja e de todos os cristãos e alargá-lo para novos sentidos (o lugar das mulheres e de todos os leigos numa Igreja ainda com marcas clericais). Na linha do convite atual do Papa Francisco, o leitor encontrará nesta obra um excelente instrumento de formação cristã e espiritual».
Rui Pedro Vasconcelos, in revista Mensageiro de Santo António


RECOMENDE A UM AMIGO

Por favor, introduza o email do amigo ao qual pretende recomendar este produto:


calendário de eventos
<Outubro de 2019>
domsegterquaquisexsáb
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031