Tratado da Oração, do Jejum e da Esmola

14.00

Esgotado

Avise-me quando estiver disponível



Frei Luís de Granada, dominicano espanhol, permaneceu no nosso País durante quase 40 anos (1550-1588) e publicou entre nós muitas das suas obras, que alcançaram fama internacional. Contudo, a nossa falta de perspetiva histórica acabou por relegar para o esquecimento o legado literário e espiritual deste frade que consagrou a sua vida à escrita e à pregação, e influenciou, de forma significativa, a vida espiritual de personalidades da época, como o cardeal D. Henrique e Teresa de Ávila, e que suscitou também a oposição da Inquisição espanhola.
O texto agora publicado é a terceira parte (visto que se pode ler de maneira autónoma) da principal obra de frei Luís de Granada, o Livro da Oração e Meditação, um «acontecimento editorial» no seu tempo.
«Nesta parte, consagrada à oração, ao jejum e à esmola, Luís de Garanda argumenta sobre o equilíbrio que constituem estes três pilares da vida do cristão perfeito. Neste tratado, podemos analisar e pressentir a mestria de frei Luís em relação às realidades da vida espiritual, a doçura da sua linguagem, a sua grande exigência e coerência. Ou seja, frei Luís coloca-nos diante dos olhos o soberano equilíbrio de todos estes elementos, que não podem ser separados uns dos outros» (InIntrodução).

Peso 350 g
Dimensões (C x L x A) 13 × 20.5 cm
Ano

2006

Edição

1

Encadernação

Capa Mole

ISBN

978-972-751-743-5

Páginas

256

Quantidade Miníma

1