Type the keyword or SKU

Fechar
Lista de desejos
0

Paulinas Editora publica “Os noivos”, que o papa Francisco leu três vezes

Por:Paulinas 0 Comentários
Capa

É certamente um dos acontecimentos editoriais do ano. A Paulinas Editora, numa nova coleção coordenada por José Tolentino Mendonça, honra-se de trazer à estampa nesta primavera de 2015 a obra monumental de Alessandro Manzoni, “Os Noivos” (“I Promessi Sposi”, no original).
Esta obra é não só um clássico absoluto da literatura italiana, mas também um dos grandes romances do cânone europeu e mundial. De respiração e proporções épicas, a obra-prima de Manzoni teve duas edições em vida do próprio autor: a primeira de 1827 e uma segunda, amplamente revista e considerada como definitiva, em 1840.
«Li três vezes o livro “Os Noivos” e, agora, tenho-o na secretária para voltar a lê-lo. Manzoni deu-me muito», afirmou o papa Francisco.
A tradução portuguesa, disponível nas livrarias a 16 de março, segue essa segunda edição e constitui também um acontecimento excecional do ponto de vista da tradução.
Há décadas que aquele que é, entre nós, o mais conceituado tradutor da literatura italiana, José Colaço Barreiros, alimentava o sonho de poder vir a verter para português esta obra. Fê-lo agora, numa tradução de altíssima qualidade que muito contribuirá para o sucesso esperado deste volume junto dos leitores.
A coleção “Biblioteca Indispensável” apresenta clássicos do espírito cristão, ou simplesmente do espírito, que testemunham a vitalidade, a diversidade e a surpresa da experiência de Deus.
Ao tornar acessível o legado que o passado do Cristianismo e da cultura legam à atualidade, a coleção “Biblioteca Indispensável” revela tesouros que o presente é chamado a reencontrar apaixonadamente e a transmitir ao futuro.

Categorias: Notícias

Deixe uma resposta